quarta-feira, 2 de julho de 2014

Avatar

Alunos do 5º Ano B, a partir de agora sempre um avatar diferente estará orientando vocês nas atividades propostas aqui no nosso blog. E hoje já temos um desafio a vocês. Clique e ouça qual é. Caso vocês não se lembrem do soneto de Mário Quintana que fizemos a leitura em sala de aula, cliquem no link abaixo que serão direcionado a uma outra página, fora do nossao blog, para que efetuem novamente a leitura. http://peregrinacultural.wordpress.com/2010/11/29/cidadezinha-cheia-graca-soneto-de-mario-quintana-uso-escolar/ Bom final de recesso, e até mais. Prof. Sílvio

sábado, 10 de maio de 2014

Caminhos do Verde

Caminhos do Verde

Entre os projetos que formam a proposta do Programa Ler e Escrever está o "Caminhos do Verde", cuja proposta é fazer com os alunos descubram espaços que preservam a fauna e flora e também destinados ao lazer e à pesquisa. Como moramos em Assis, e estamos distantes da capital paulista cerca de 450 quilômetros, falar sobre estes espaços localizados na cidade de São Paulo, por mais interessantes que sejam, fogem da realidade dos alunos. Porém, a internet nos possibilita fazer uma viagem até lá sem que saiamos da nossa escola, da nossa casa, da nossa cidade. 
Assim, convidamos você para conhecer um pouco mais sobre os espaços citados no caderno de atividades do Ler e Escrever. Vamos começar pelo Jardim Botânico de São Paulo. Trata-se de um vídeo produzido pela TV Uniesp, e que nos apresenta um pouco do local e possibilita uma visualização ou ampliação do que discutimos em sala de aula.

Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=p-qfFewtaIg

Saindo do Jardim Botânico, podemos dar uma esticada até o Jardim Zoológico, que fica bem ao lado. No entanto vamos seguir pela cidade e chegar até o Bairro do Ipiranga, onde, um pouco acima do Museu do Ipiranga (Parque da Independência), está o Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo.


Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=EZpYvKKzVhw

Agora vamos dar um pulinho até Embu das Artes, onde está instalado o Parque Cidade das Abelhas

Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=mEH2ZfpVGO0

Por fim vamos andar um pouco mais, e dar uma paradinha no Parque Villa Lobos, localizado no Bairro de Pinheiros. O vídeo é uma produção de Alessandro Ilário, não há narração, porém possibilita conhecer um pouco dos espaços do parque e as atividades que visitante pode praticar. O Parque Villa Lobos fica bem ao lado da Marginal Pinheiros, e é uma ilha de sossego em meio da agitação da paulistana.



Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=4WPdU_T7AC0

Aqui em Assis, recentemente a Prefeitura lançou seu novo site, e nele há um vídeo que mostra alguns pontos de lazer e de passeio em nossa cidade.


Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=xuoEjAr7wg0 

Creio que com estes vídeos, e mais o material do Ler e Escrever, vocês possam ter conhecido um pouco mais sobre a cidade de São Paulo e sobre a nossa cidade. 
Interessante que numa das atividades era solicitado que os alunos apontassem as áreas de lazer do nossa cidade. Um aluno, de pronto, disse: "aqui não há o que fazer, professor", com o que alguns outros concordaram. Porém, quando partimos para a elaboração de uma lista eles se surpreenderam, e reviram sua ideia sobre a nossa cidade. Eram espaços que nem todos conheciam, ou conhecem, e outros que sabem que existem, porém nunca lá estiveram ou quase não frequentam.
Assim, foi possível que os alunos por si só se atentassem um pouco mais para o que a cidade tem a nos oferecer.

Ouça abaixo o nosso podcast, que cujo episódio fala sobre a imigração no Brasil Abraços

Silvio Luís

sábado, 3 de maio de 2014

Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

Estamos participando da XVII Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, cuja prova deverá ocorrer em 16 de maio. A prova será constituída de dez questões, sendo 7 de Astronomia e 3 de Astronáutica, e terá duração de duas horas. Inicialmente informamos que o assunto seria tratado no nosso podcast, porém, optamos por trazer boa parte dos materiais para estudo para o blog, já que são em sua maioria vídeos e textos. Aproveite para estudar, mas, muito mais que isso, aproveite para conhecer um pouco mais sobre o nosso planeta, a construção e lançamento de satélites, o céu, e o universo. Vamos agora para uma viagem extraordinária, cercada de mistérios, porém com muitas descobertas importantes que explicam como são o nosso planeta, a Lua (satélite natural da Terra) e os satélites artificiais, a Estação Espacial Internacional, o Céu  e o Sistema Solar. 

Vamos começar pela origem da Terra: 


Vídeo originalmente publicado no YouTube no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=LJmo8cH_kzQ

Agora vamos conhecer um pouco sobre a estrutura do nosso planeta.

Fonte da imagem: http://www.cprm.gov.br/publique/media/estrutura_int_terra.jpg

Nos vivemos na parte superior da Terra, ou seja, na crosta terrestre, também há a crosta oceânica, formada pelos oceanos. Sobre a crosta terrestre a temperatura é influenciada pela atmosfera e possibilita a existência da vida. Já, conforme vamos avançando para o interior da Terra a temperatura vai subindo chegando a 6.371 graus no núcleo terrestre, conforme demonstra o gráfico abaixo:


Fonte da imagem: http://4.bp.blogspot.com/-HninUZAX_GU/UTI-xfTLgYI/AAAAAAAAARs/h_UhCJblPJY/s1600/modelos.estrutura.interna.arealeditores.png

Agora é a hora de saber um pouco sobre a atmosfera de com o vídeo abaixo:

 
Vídeo publicado originalmente no YouTube no endereço https://www.youtube.com/watch?v=ALDzZc53bkM

Apesar de parecer, a Terra não está parada no espaço. Ela gira em torno de seu próprio eixo, que é o movimento de rotação. Este movimento completo dura 24 horas e é por isso que temos o dia e a noite:


Vídeo originalmente publicado no YouTube: no endereço https://www.youtube.com/watch?v=QRQgoNtgwv4

Já o Movimento de Translação, em a Terra gira em torno do Sol, possibilita a existência das estações do ano (primavera, verão, outono e inverno). Para executar uma volta completa em torno Sol a Terra leva o tempo equivalente a um ano (365 dias) e mais seis horas. É por isso que a cada quatro anos temos o chamado ano bissexto - quando fevereiro tem 29 dias.


Vídeo disponível no YouTube no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=slWrFEoDxyE

Para nos localizarmos na superfície da Terra foram criados os chamados pontos cardeais 


Vídeo disponível no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=1XgXHEGMImo

Também há as chamadas longitudes e latitudes, elas são medidas em graus e um aparelho muito utilizado no momento utiliza este princípio, que é o GPS:



Vídeo disponível no YouTube no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=ibE2S8OkNJ8

Agora entenda como são os chamados fusos horários



Vamos conhecer um pouco sobre a Lua? Então hora de saber o que são as fases da Lua (nova, crescente, cheia e minguante).


Vídeo disponível no YouTube no endereço: http://www.youtube.com/watch?v=q904EEU2-VU

Ainda temos muitos outros assuntos sobre a OBA, os quais você poderá pesquisar a partir de uma ferramenta de busca como o Google, ou acessando o YouTube e procurando pelos vídeos que falem sobre o primeiro brasileiro Marcos Pontes; os veículos lançadores de satélite VLS; a Estação Espacial Internacional (ISS); o que é o telescópio Hubble e as instituições brasileiras que desenvolvem atividades espaciais: Agência Espacial Brasileira (AEB), Centro Técnico Aeroespacial (CTA), Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE).

E para facilitar a partir de agora estamos disponibilizando em anexo ao blog o arquivo do nosso Podcast. Clique em play e ouça-o. Se preferir você também poderá acessar o mesmo conteúdo na página do Brasil Podcast conforme link na lateral direita deste blog.



 
Abraços

Prof. Silvio



sábado, 26 de abril de 2014

Dia do Trabalho

Trabalho e trabalhador

Conforme citado no podcast e visto na aula de História, as pessoas encaram o trabalho de maneira diferente. É verdade que o homem sempre teve, de alguma forma, executar algum tipo atividade para que pudesse sobreviver. Ao longo do tempo as formas de trabalho e as relações de trabalho foram se modificando. Mas, o grande marco da mudança nas relações de trabalho surgiram a partir da Revolução Industrial (Inglaterra - entre os séculos XVIII e XIX), que trouxe mudanças significativas nas formas de produção e consumo.
Antes, o trabalho era artesanal e as pessoas produziam aquilo que necessitavam para sua sobrevivência ou para trocarem por outros produtos dos quais necessitavam. Normalmente as pessoas realizavam o trabalho em suas casas ou propriedade rural, e trabalhavam mais como artesãos, agricultores ou alfaiates. 
A partir da Revolução Industrial as pessoas passaram a trabalhar nas indústrias, utilizando máquinas e equipamentos em linhas de produção, o que possibilitou uma padronização dos produtos, além de passarem a viver mais em centros urbanos e dependerem do salário que lhes era pago para sobreviverem. 
No filme "Tempo Modernos", quando o cinema era mudo e em preto e branco, Charles Chaplin fez uma crítica a nova relação entre capital e trabalho:


Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=XFXg7nEa7vQ 

As fábricas passaram a contar com a força de trabalho da mulher e das crianças, fato que também começou a interferir nas relações familiares e, mais adiante, na constituição das famílias (coisa que vem mudando até hoje).

 
Fonte das imagens: http://pessoal.educacional.com.br/up/20021/1111376/t1311.asp


E se há diferentes formas das pessoas encararem o trabalho também há diferentes formas dos sistemas políticos econômicos, de estudiosos como historiadores, filósofos, sociólogos, economistas, etc... encararem o trabalho e as relações entre capital e trabalho. Isso você poderá pesquisar mais adiante durante as novas etapas de estudo.

Por enquanto, o seu trabalho, enquanto aluno, é estudar. Vá em frente e dedique-se a ele. 

Prof. Silvio Luís
 

sábado, 19 de abril de 2014

Dia da Terra

Dia da Terra

O Dia da Terra começou a ser comemorado na década de 70, nos Estados Unidos, por iniciativa do senador Gaylord Nelson. A ideia dele era conscientizar as pessoas e o governo norte-americano quanto à necessidade de preservação do meio ambiente e de se adotar medidas de desenvolvimento sustentável.
Aos poucos a iniciativa foi ganhando força, até que, em 2009, a Organização das Nações Unidas (ONU) oficializou o Dia da Mãe Terra, a ser comemorado anualmente no dia 22 de abril. Na mesma época a ONU publicou um documento chamado de Carta da Terra.
No link ao lado você poderá acessar o documento original, traduzido para o português http://www.mma.gov.br/estruturas/agenda21/_arquivos/carta_terra.pdf

Porém, como forma de facilitar o entendimento das novas gerações e contribuir para que as escolas pudessem trabalhar o conteúdo de acordo com o entendimento das crianças, a Carta da Terra ganhou uma versão para crianças, a qual você poderá acessar clicando neste link: http://www.parceirosvoluntarios.org.br/images/Capa/file/CTparacriancasNAIA.pdf

No site do Ministério do Meio Ambiente há um vídeo que traz a Carta da Terra. Efetuamos o download do mesmo e estamos publicando o material aqui no nosso blog.


OBA

Agora, vamos aproveitar que estamos falando sobre o Dia da Terra para tratarmos da OBA, Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica. Vamos então assistir ao vídeo "A origem do Planeta Terra"?

O vídeo acima foi originalmente publicado no site YouTube, no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=6eKH3btIUlo

Aproveite para acessar o site da OBA, para ver quanta coisa interessante há por lá, inclusive um simulado que poderá ajudá-lo na prova que iremos realizar no dia 16 de maio.  Acesse o link a seguir: http://www.oba.org.br/site/index.php

Descobrimento do Brasil


Que tal você pesquisar sobre a chegada do portugueses ao Brasil e que os livros de História tratam como tendo ocorrido o "Descobrimento do Brasil"?

Talvez sua pesquisa e opinião sobre este fato histórico poderão ser publicadas aqui no nosso blog.

Tente! Pesquise e reflita sobre o assunto.


Abraços
Prof. Sílvio Luís

domingo, 13 de abril de 2014

O tempo e o relógio

Na semana passada, durante a aula, o aluno Rafael, fez uma referência ao tempo e ao relógio. Foi aí então que surgiu a ideia de uma atividade que pudesse relacionar os assuntos e ao mesmo tempo contribuísse para o aprendizado dos alunos.
Fiz um pesquisa e acabei me deparando coma música O Relógio, de Vinícius de Moraes. A partir daí a ideia inicial começou a criar corpo. Optei por fazer a leitura da letra e, em seguida, pedir ao alunos que dessem continuidade ao texto, escrevendo uma frase a mais, se tornando assim, coautores.
Eis a letra:

O Relógio
(Vinicius de Moraes)
Passa, tempo, tic-tac
Tic-tac, passa, hora
Chega logo, tic-tac
Tic-tac, e vai-te embora
Passa, tempo
Bem depressa
Não atrasa
Não demora
Que já estou
Muito cansado
Já perdi
Toda a alegria
De fazer
Meu tic-tac
Dia e noite
Noite e dia
Tic-tac
Tic-tac
Dia e noite
Noite e dia

Agora as produções de alguns alunos:

(Guilherme)
tic-tac
tic-tac
fazendo toda hora
tic-tac
tic-tac

(Gabriele)
E a cada hora o relógio bate
tic-tac
tic-tac
à noite, cedo e à tarde
tic-tac
tic-tac

Na hora do café, do almoço e do jantar
o relógio bate
tic-tac
tic-tac

(Isabelle)
tic tac
tic-tac
o relógio é só com ponteiro
também pode ser um relógio digital
tic-tac
o relógio já desperta
tic -tac
a hora já passou
tic-tac
acordei atrasada
tic-tac
perdi a aula.

(Emilly)
O relógio é muito importante
seja ele digital ou de ponteiro
para acordar e para dormir
tic-tac
tic-tac

(Giovana)
tic-tac
tic-tac
faz o relógio da minha casa
tic-tac
tic-tac
faz o relógio sem parar
toda hora todo dia.

(Rafael)
Acordo de manhã
tic-tac
tic-tac

(Maria Eduarda)
tic -tac
tic-tac
o relógio me acorda
vou lavar meu resto
e ele "tá"
tic-tac
tic-tac

(Beatriz)
Na hora de acordar
tic-tac
na hora do almoço
tic-tac
na hora de dormir
tic-tac

(Maria Flávia)
tic-tac
tic-tac
o relógio me acorda
tic-tac
tic-tac
para cedo ir à escola
 
(Amanda)
passa a noite
passa o dia
chega a hora de acordar
tic-tac
tic-tac

(Luana)
tic-tac
noite e dia
um dia inteiro "tô" cansado
tic-tac
não paro
"tô" cansado
tic-tac
super cansado

(Pedro)
e o tempo já passou
tic-tac

Agora assista a um vídeo com a música O Relógio



Vídeo do musical infantil "Arca de Noé" publicado no YouTube no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=kpjn6SRFts0#t=47

E sobre o tempo... Gilberto Gil canta: Tempo Rei;


Vídeo originalmente publicado no YouTube no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=CTJdrLuNVzQ

Abraços
Prof. Silvio

Os Índios

Os Índios

Primeiros habitantes do Brasil, os índios já ocupavam boa parte do território brasileiro quando os portugueses chegaram aqui, em 22 de abril de 1500. O contato com o homem branco europeu, dito civilizado, e que se achava superior a qualquer um que não fosse branco, de foi tão pacífico, pois apesar de Pero Vaz de Caminha os descrever como sendo criaturas amigáveis, o resultado foi a quase extinção dos indígenas no Brasil.
E como os índios tinham hábitos e costumes diferentes daqueles do padrão europeu, e  viviam da terra e conviviam de maneira muito própria com a natureza, sua imagem acabou sendo associado à alguém preguiçoso, já que não se deixaram escravizar, e como criaturas ligadas à natureza.
O índio, por tempo, foi visto como uma subespécie fato que fez com que tudo o que deles viessem fossem distorcidos pelo homem branco, ou analisado como sendo algo exótico.
No entanto, eles precisam e devem ser vistos como alguém dotados de direitos assim como qualquer um de nós, e obviamente, respeitados por suas diferenças. Seu modo de vida e sua cultura devem ser preservados para que sua história se mantenha viva.
Agora, saiba um pouco sobre quem são os índios. E somente eles podem dizer como eles realmente são.

Vídeo originalmente publicado na YouTube no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=HA_0X2gCfLs

Neste outro vídeo mais informações sobre o modo de vida e a cultura indígenas.


Vídeo originalmente publicado na YouTube no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=-IVWKUMZbkI

Temos muitas imagens sobre a chegada dos portugueses ao Brasil, no entanto fica difícil afirmar que sejam retratos fiéis da realidade. Ou seja, se as obras retratam exatamente o ocorrido. Porém, nem por isso devem ser desprezadas, é preciso olhá-las com criticidade.

Fonte imagem: http://www.infoescola.com/wp-content/uploads/2012/05/chega-de-cabral-ao-brasil.gif

Abraços
Prof. Sílvio

sábado, 5 de abril de 2014

Um resumo da escravidão no Brasil

Escravidão

A aula de História desta semana foi mais esclarecedora sobre a escravidão no Brasil. Alguns alunos se chocaram, outros colocaram em evidência o preconceito, que mesmo velado, ainda existe em relação à cor da pele de um ser humano.
Como vimos a escravidão ocorreu por motivos econômicos, ou seja mão de obra barata e, consequentemente, produtos mais baratos e maiores lucros para os donos de escravos.
A abolição também foi por motivos econômicos, já que o Brasil barateava seus produtos no mercado internacional por utilizar a força de trabalho do negro escravo, fora que a Inglaterra, querendo ampliar seus consumidores de tecidos precisavam de contar com pessoas que tivessem renda suficiente para adquirir estes e outros produtos industrializados.
A abolição também se deu por pressões abolicionistas tanto de alguns brancos, que se opunham a escravidão, como a luta de muitos negros que, fugiam ou eram alforriados, e lutavam contra a escravidão.

Abaixo um vídeo originalmente postado no YouTube que aborda o tema:


O endereço do vídeo é: http://www.youtube.com/watch?v=QXiXFsPpf-o


Quilombos e quilombolas

Um dos líderes negros apontados como ícone da resistência contra a escravidão no Brasil. Conheça agora um pouco da trajetória de Zumbi dos Palmares:
O vídeo foi produzido pela TV Câmara e está disponível no YouTube.


O endereço do vídeo é: https://www.youtube.com/watch?v=pMdZ80VnEy4

A condição do negro e o preconceito

É importante conhecer sobre como os negros vieram parar no Brasil, e como originou o preconceito contra os negros. Assista ao vídeo abaixo produzido pela TV Brasil e publicado no YouTube.


 Vídeo disponível no endereço https://www.youtube.com/watch?v=EadJFSGWfKc

Apesar de mais de um século após o fim da escravidão em nosso país o negro ainda luta para conquistar espaço digno em nossa sociedade. Por isso são necessárias campanhas e políticas públicas que visem a verdadeira promoção do negro e seus descendentes, como pelo fim do preconceito com relação à cor da pele. E essas campanhas não acontecem apenas no Brasil: veja um exemplo:


Agora veja uma campanha realizada pelo UNICEF contra o racismo no Brasil e destaca como brancos pobres e não brancos são os que mais sofrem por conta do preconceito


Mas, será que a abolição acabou realmente com a escravidão no Brasil? Quanto tempo ainda será necessário lutar contra o preconceito racial? Pare e pense!

Agora conheça Ana Maria Machado e sua obra "Menina bonita de laço de fita"


Vídeo originalmente publicado no YouTube no endereço https://www.youtube.com/watch?v=W9eBpv-WPAs

Até mais. 
Prof. Silvio


sábado, 29 de março de 2014

Ler e Escrever - Projeto Uma lenda, duas lendas, tantas lendas

Lendas

As lendas são passadas  entre as várias gerações dos diferentes povos. Elas são fantasiosas e explicam fenômenos naturais ou fatos para os quais não se tem uma explicação plausível, ou seja, as lendas não têm fundamentação científica.
De acordo com o que planejamos em sala de aula, ao longo deste primeiro semestre de 2014 iremos fazer a leitura e discussão das lendas indicadas no Guia do Ler e Escrever e pesquisaremos outras lendas, para que, posteriormente, façamos a reescrita daquelas apontadas como preferidas pela turma e a publicação do material.
Vamos agora conhecer uma nova lenda?
Então prepare-se, para descobrir como você poderá se encontrar com A Mula Sem Cabeça



Uma publicação original de ArnaldoTV um canal do Youtube (https://www.youtube.com/watch?v=ap8pJpzQ0qU)

Se você acha que é pouco assustador, que tal agora conhecer um tal Curupira. Se você conseguir sobreviver conte aos amigos sobre o que assistiu.



Vídeo produzido por Mutirio - Direção de Humbero Avelar - Disponível no site Youtube.(https://www.youtube.com/watch?v=2-W2LmqjHSI)

Estes são alguns exemplos. Que tal você pesquisar um pouco e levar para a aula. Quem sabe a sua indicação estará aqui nosso blog.

Ah! Acabei de criar uma lenda bem curtinha: sabe como se chama? Não!

O giz atormentado.
(clique sobre a imagem para vê-la ampliada e conhecer a lenda)

Abraços
Professor Silvio Luís de Carvalho
29/03/20014

E não se esqueça...Para o Giz Atormentado não te perturbar...
Faça a lição... Faça a lição... Faça a lição...